Curtas nordestinos em coletiva neste sábado

Três curtas com DNA nordestino foram exibidos, na noite da última sexta (6), no Cine São Luiz, dentro das mostra competitivas do Cine PE. Foram eles: “Gosto de Carne” (PE), “Maria” (PE) e “Redemunho” (PB). Os diretores e representantes dos títulos conversaram com a imprensa na manhã deste sábado (7), em coletiva no Hotel 7 Colinas.

Everton Maciel, diretor de ‘Gosto de Carne’, contou que o pai o levava desde pequeno aos matadouros públicos, uma prática comum nos interiores do Estado. Ele teve a ideia de filmar o processo de matança dos animais para denunciar os maus tratos, trabalho infantil e falta de saneamento básico dos matadouros públicos. “As pessoas não sabem o processo que a carne passa até chegar à mesa. Tem muita sujeira, métodos cruéis de abate, crianças trabalhando. O filme é atual. Foi gravado em setembro de 2015”, disse Everton, que é professor de história na cidade de Buíque, onde fez as filmagens.

Já a diretora de “Maria”, Carol Correia, destacou a honra de ter tido a experiente atriz paraibana Marcélia Cartaxo em sua estreia como cineasta. “Para mim foi muito difícil, mas ao mesmo tempo gratificante, dirigir Marcélia já no meu primeiro trabalho, uma super atriz. Mas foi uma parceria muito boa e de muito aprendizado para mim”, disse Carol. “Maria” foi inspirada na obra de Severina Branca, ex-prostituta, analfabeta e poetisa do Sertão do Pajeú.

Além de atuar no curta “Maria”, Marcélia Cartaxo também é a diretora de “Redemunho”, participante da mostra nacional de curtas. A atriz não pode comparecer ao Cine PE graças às gravações para a novela “Velho Chico”. Representando o curta, o produtor Heleno Bernardo contou que este é o terceiro curta de Marcélia, baseado num conto de Ronaldo Correia de Brito. “Os contos dele são muito bons, já são prontos. Foi só montar o roteiro cinematográfico e gravar”, disse Heleno. Segundo ele a proposta do filme é circular pelos festivais de cinema.

“Deserto Particular” é consagrado melhor filme do Cine PE 2021

“Deserto Particular” é consagrado melhor filme do Cine PE 2021

A 25ª edição do Cine PE chegou ao fim na noite desta sexta-feira (26), no Teatro do Parque, e consagrou o romance “Deserto Particular” como o Melhor Longa-Metragem escolhido pelo Júri Oficial do evento. O filme, de Aly Muritiba, que reflete sobre os afetos masculinos...

Cine PE fecha ciclo de coletivas

Cine PE fecha ciclo de coletivas

A manhã desta sexta-feira (26) foi de sabatina para os realizadores dos 14 filmes que foram exibidos na última quinta-feira (25) na programação do 25º Cine PE. Os cineastas participaram da última das coletivas de imprensa da edição, que neste ano aconteceram no Hotel...

Patrocínio Master

Co-patrocínio

Apoio

Apoio Institucional

Apoio Cultural

Promoção

Realização