Comissão julgadora vai eleger os melhores do Festival Audiovisual

Os 24 filmes selecionados para a 20ª edição do Cine PE estão passando pelo crivo dos cinco jurados selecionados para a comissão julgadora. São eles: Odilon Wagner (SP), Angelisa Stein (RS), João Batista de Andrade (SP), Guilherme Fiúza (MG) e Ingra Lyberato (RJ). As 12 categorias de prêmios para a Mostra Competitiva de Longas-Metragens são: filme, direção, roteiro, fotografia, montagem, edição de som, trilha sonora, direção de arte, ator coadjuvante, atriz coadjuvante, atriz e ator. Os filmes da Mostra Competitiva de Curtas-Metragens Nacionais serão julgados em dez categorias: filme, direção, roteiro, fotografia, montagem, edição de som, trilha sonora, direção de arte, ator e atriz. Os títulos da Mostra Competitiva de Curtas-Metragens Pernambucanos disputam a Calunga de filme e direção.

Odilon Wagner (SP)
Ator, autor e diretor, iniciou sua carreira em 1969 no teatro universitário de São Paulo, atuou em mais de 30 peças. Na televisão estreou em 1974 participando em mais de 40 produções, entre elas ‘O tempo e o vento’, ‘Selva de Pedra’, ‘Corpo a Corpo’, ‘Anos Rebeldes’, ‘Por Amor’, ‘Explode Coração’, ‘Caminho das Índias’, ‘Salve Jorge’. No cinema, entre outros, esteve presente em ‘Baixo Gávea’, ‘Feliz ano velho’, ‘Sexo com amor’, ‘Olga’.
 
Angelisa Stein (RS)
Trabalha há mais de 20 anos na indústria audiovisual. Produtora e advogada, é especialista em coprodução cinematográfica internacional. É professora de Produção Audiovisual na UCAM/RJ-ABGC e trabalha para o Ministério da Cultura como perita na área do audiovisual.

João Batista de Andrade (SP)
Escritor, cineasta, ativista cultural. Ex-Secretário da Cultura do Estado de São Paulo, atualmente preside o Memorial da América Latina (SP)

Guilherme Fiúza (MG)
Atua no setor audiovisual há mais de 20 anos. Como produtor e assistente de direção, trabalhou ao lado dos diretores Helvécio Ratton, Tizuka Yahasaki, Sylvio Back, Sergio Machado e Nelson Pereira dos Santos. Em  2014, foi o diretor e roteirista responsável por levar ‘O menino do espelho’, de Fernando Sabino, para telas de cinema e televisão ao redor do mundo.

Ingra Lyberato (RJ)
Atris atante no cinema, teatro e TV. Ingra tem dezenas de novelas no currículo, como "Tieta", "Pantanal" e "O Clone". Ganhou destaque na telinha quando protagonizou “A História de Ana Raia e Zé Trovão”, na extinta Rede Manchete. No cinema, for premiada por sua atuação no filme "Valsa para Bruno Stein", e atuou em longas como “O cangaceiro”, “A Casa Verde” e “Contos Gauchescos”.