Debate amplo na coletiva dos curtas Palace Hotel e Vestibular

Ralf Antunes e Dida Andrade, representantes dos curtas-metragens Palace Hotel e Vestibular, respectivamente, que estrearam na noite da segunda-feira (4) no Cine PE, falaram sobre o processo de produção dos filmes na coletiva à imprensa de ontem, no Hotel Sete Colinas. Além de responder às perguntas dos jornalistas presentes, conversaram com um grupo de estudantes de Cinema da Faculdade AESO Barros Lima sobre todo o processo que envolve a construção de um filme.

Durante o bate-papo, foi colocada em pauta a importância da formação acadêmica, os novos rumos da produção nacional, a eterna busca pelo público e, por fim, a batalha para conseguir a seleção dos filmes em festivais. “Só no Cine PE já havíamos inscrito quatro curtas e um longa-metragem, e só agora estamos aqui. E isso é uma vitória”, comemorou Dida Andrade.

O produtor Ralf Antunes fez questão de lembrar que o Palace Hotel, dirigido pelo cineasta Cao Guimarães, que também é artista plástico, na verdade é uma obra mais direcionada para o circuito das artes pláticas. A obra faz parte da exposição Chão, do próprio Cao, em cartaz atualmente na Galeria Nara Roesler, em São Paulo.

“O curta é resultado de um olhar sobre registros realizados ao longo da carreira do Cao. São sobras de materiais que ficaram de fora de trabalhos anteriores, e que hoje casam perfeitamente com as artes plásticas e com o cinema”, contou Ralf.